sábado, 28 de junho de 2014

Resenha - The 100 - Kass Morgan


Informações do livro:


Editora: Galera Record.

Autora: Kass Morgan.

Páginas: 286.

Título original: The 100.




Sinopse:

Desde a terrível guerra nuclear que assolou a Terra, a humanidade passou a viver em espaçonaves a milhares de quilômetros de seu planeta natal. Mas com uma população em crescimento e recursos se tornando escassos, governantes sabem que devem encontrar uma solução. Cem delinquentes juvenis — considerados gastos inúteis para a sociedade restrita — serão mandados em uma missão extremamente perigosa: recolonizar a Terra. Essa poderá ser a segunda chance da vida deles... ou uma missão suicida.


Resenha:

Primeiro de tudo eu vou fazer essa resenha tentando não fazer nenhuma comparação com a série.

O livro é narrado por 4 personagens principais, sendo eles colocados estrategicamente em lugares diferentes, fazendo o leitor acompanhar a história do ponto de vista de: Clarcke, Bellamy, Wells e Glass.

Clarcke: Clarcke é na minha opinião a personagem que tem mais importância no livro. Após ser acusada por um crime que não comete,Clarcke é selecionada junto com os 100 para a missão a terra, onde ocupara um lugar muito importante. Eu achei a personagem bastante interessante, apesar de eu não ter sentido nada muito especial com a personagem.

Bellamy: Apesar de não ter sido preso, Bellamy consegue entrar na nave onde levaram os 100, para proteger a unica coisa que é importante para ele: sua irmã. Bellamy é meu personagem favorito, assim na série também no livro. Bellamy tem um genio de proteção muito forte que faz ele fazer QUALQUER coisa para proteger sua irmã.

Wells: Para mim, pelo menos no livro Wells não é nada mais que um cara que faria tudo pelo seu amor, o "engraçado" é que o personagem, sempre estraga tudo, o que gera no começo do livro um "bem feito!", porém mais para on final do livro, eu fiquei mais com um sentimento de "coitado, fez merda de novo...".

Glass: Eu não gostei dessa personagem, isso provavelmente deve ser pela falta dela na série, mas eu não me identifique em nada com ela. Em algumas vezes ela é corajosa, outra é egoísta e estupida.
Em relação com a grande chance que teve de continuar a viver, ela não consegue usar bem essa chance.

O livro é bem legal. O futuro distópico que a autora criou é realmente muito bem usado. Só que eu notei alguns furos da série e ainda mais furos no livro! Isso foi para mim um ponto negativo.

O livro tem um romance, porém eu não gostei de um coisa: O triangulo amoroso na terra. O romance é bem usado no espaço, mas fracassa miseravelmente na terra. 

A escrita da autora é boa. Os capítulos dos 4 são bem usados. Porém tenho que avisar que não é nada incrível.

A capa é praticamente igual a original, mas as imagens são um pouco diferente da americana. 

O livro é bom e vale apena, mas para mim não senti muita coisa especial.




Natan.